prisão waldryano

Prisão Capítulo 64

19:52Waldryano Diácono



Por Waldryano | Para o blog Waldryano

Mantendo a pose
Capítulo 64

Eu olhava para Nelma, ela estava ansiosa, tremia toda, era mais visível por conta do vestido espalhafatoso que ela optara, e eu? Estava uma pilha de nervo, que pose ereta que aquenta tanto esperar?
-Uma surpresa?
O que será?
Não pode ser eu ver meu pai, na porta daquela igreja, A mãe até não tenho tanta magoa, mas meu pai? Só falta o Nilmar esta neste momento buscando eles na rodoviária.
-Calma Lara dizia agora a Nelma (para ela era fácil já sabia que seu noivo estava lá na frente esperando). Eu estou calma, e ria com desconforto, e o suor passeava no meu rosto levemente maquiado...
E veio aquela moça novamente cochichar no ouvido da Nelma.
E os convidados olhavam para mim, e para a Nelma, estava se tornando uma situação constrangedora, os falatórios e os tititi já eram visíveis. E a moça conversando com a Nelma e eu só observando, minha experiência de vida já demonstrava que era eu o assunto da conversa.
Nelma me olhou, abaixou o semblante e olhou novamente...
-Não vai me dizer que o Nilmar buscou meus pais e esta ali na frente esperando para entrar com cada um deles a tira colo.
-Pior amiga, fique calma, mas é pior que isto.
Pensei o que seria pior que aquilo? Somente isto seria o fim do meu casamento.
Nelma novamente me olhava agora apreensiva com o que iria me falar, era visível, aprendi com a profissão traduzir semblantes e posturas ela não estava mais aflita estava medindo as palavras.
-Lara, peço perdão, foi eu que insisti para casarmos juntos.
-Sim, amiga eu concordei e achei ótimo, vamos casar esta demorinha é só um charme da cerimônia, parece que senão tivesse não teria graça.
Nelma esboçava uma lágrima no canto dos olhos, e falava bem baixinho, amiga...
-Amiga, se quiser cancelamos o casamento agora eu caso outro dia sem problema, ela ja não aguentava a emoção, entendia que era especial, a escolha do vestido, o preparo o momento ela realmente queria que acontecesse o casamento.
-Pare de ser boba Nelma, eles demoraram um pouquinho mas este casamento saí!
-Não, não saí, o noivo desistiu ninguém encontra o Nilmar, disse de modo constrangido Nelma para mim...
Eu olhei para ela, olhei para os convidados, olhava para aquele imenso, sim me parecia imenso corredor entrelaçado por bancadas arrumadas, entendia que os tititis estavam falando de mim, com certeza todos já sabiam que meu noivo não viria somente eu e a Nelma não sabiam.
Não seio que seria pior, se ele trouxesse meus pais a tira colo, depois teríamos sim uma conversa....
Mas agora cairá a ficha, sem dúvidas isto foi a pior coisa que poderia acontecer...
-Calma Lara mantenha a calma, alguma coisa muito grave deve ter acontecido, ou o Nilmar não queria casar contigo amiga....
Nelma tinha conversado com Robson antes do casamento, e até a Nelma ficara desconfiada das reais intenções do Nilmar... dizia ela... É aquela vez ele não assumiu o erro e você foi preso não é Robson? Mas nós cristãos devemos perdoar e amar...
pessoal ajudinha é bem vinda click nas estrelinhas :)

Noiva em fuga
Capítulo 64

As emoções estavam saltando pela minha boca, postura ereta? Pose para quê? Meu noivo, meu Deus meu noivo não vem! E eu aqui com esses jasmins nas mãos para que? Que situação Lara, como se sair desta, olhava sim, os tititis eram por conta das pessoas comentarem que estava ali abandonada no altar atrapalhando o casamento da outra noiva que tinha seu noivo esperando lá fora.
-Lara prima calma, sinto muito, mas... se quiser cancelamos tudo isto e saímos daqui agora, disse Nelma entristecida.
Eu tive que tomar uma decisão muito forte, tive que ser madura, tive que engolir todo o meu orgulho meu pudor e falar assim para a Nelma.
-Nelma querida prima, (já não conseguia conter as emoções , chorei, um choro contido mas estava chorando) o casamento sairá! O seu casamento, você querida esta uma princesa, você escolheu este vestido não foi por acaso o Robson é um príncipe, (falava tentando controlar-me, mas os olhos não respondiam aos meus pensamentos, estava borrando todo o rímel que aquelas moças do salão cuidadosamente o desenharam nos meus olhos).
-Mas você Lara, como você vai ficar, eu não conseguirei fazer esta cerimônia sabendo que você esta sofrendo.
-Não se preocupe comigo, viva o seu momento, você esta linda igual uma princesa daqueles castelos medievais, receba seu príncipe, vou sair daqui irei para a minha casa trocarei de roupa e viverei a minha vida, aprendi a ser forte e não é isto que me fará sucumbir.
-Lara, disse Nelma mais sorridente, desculpe prima, mais eu quero muito me casar, o meu noivo esta esperando resolvermos isto, perdão, eu não tive culpa falava Nelma, sentia que ela estava sofrendo junto comigo. Mas não seria eu que iria destruir um momento tão bonito da sua vida.
Adeus amiga depois te ligo para saber como foi, cuide do seu príncipe... Adeus
Na minha mente criei um ponto fixo alem daquela porta olharei só para ele, e sairei, este pesadelo acabará assim que eu sair daquela porta, sim...
Veio aquela mocinha que cochichara anteriormente com a Nelma e me entregou a bolsa de mão, eu a olhei esbocei um sorriso forçado, ela olhou-me com a cara de dó e disse: - Sinto muito...
Neste momento, observei que outras pessoas diziam coisas do tipo:
-Tadinha tão bonitinha, não merecia passar por isto... Nem quis ver quem era. Olhava para a mocinha ela parecia estar feliz, pois o casamento finalmente sairia...
Já estava chegando à porta da igreja, com toda a elegância que a vida me ensinou a ter. Ao chegar à porta, sentia o escarpam branco muito bonito apertar mais e mais meus pés e aquilo estava sendo insuportável pensei.
-Elegância essas horas? Prostrei-me para baixo, muitos curiosos chegaram até ficar de pé para ver o que faria, retirei os sapatos apertados, e as emoções correram forte, estava estupefada, havia ficado de pé tanto tempo igual a uma estatua no meio daquela igreja para aquele momento que seria o mais lindo da minha vida, e agora estava ali, toda acabada, certamente minha maquiagem estava toda borrada e aquelas pessoas comentando de mim. Fora meu noivo o que eu fiz de errado?
-Será que eu sou feia, chata, desinteressante? Meu Deus o que eu fiz de errado, sempre tratei o Nilmar com todo o amor do mundo, fui prestativa em cada dia que ele estava naquela prisão, escutei muitos comentários maldosos de muitas pessoas, mas meu amor por ele sempre prevaleceu. -Eu não merecia isto! Eu não merecia!
Saí correndo daquela porta queria sumir daquela situação!
-Naquela corrida desenfreada, rasguei a meia calça, em uma mão os pares de sapatos na outra minha bolsa de mão. Calma Lara, pensava. Mantenha a calma e não olhe para trás!
-Olhei, não aguentei olhei, sei lá me passou um pensamento que era uma brincadeira de mau gosto ou que sem muita explicação o Nilmar apareceria de uma forma milagrosa e falasse:- Venha Lara eu te amo, vamos nos casar...
Mas não, o que eu vi, foi: os convidados saírem todos olhar a noiva em fuga, Isto que me tornara uma noiva que corria. Então dobrei a primeira esquina que encontrei.
-Só, estava só.
O que fazer meu Deus o que fazer...
Na correria já havia machucado meus pés... quebrei os saltos daquele escarpam que ficou adequado a sapatilhas e caminhava. Vi passar um táxi. Fiz sinal ele parou...
-Leve-me para este endereço, disse o endereço da minha casa, queria tomar um banho quente e deitar e esquecer-se daquele dia.
O motorista olhou-me já lá dentro do carro e falou assim.
Calma são coisas da vida, você é jovem e muito bonita, certamente o que ocorreu contigo serviu de aprendizagem. O taxista era um senhor idoso, falava com um tom paternal eu estava bem desarrumada e era visível que era uma noiva.
Desculpe Senhor eu não quero comentar, só me leve neste endereço preciso descansar.
De repente toca meu celular na minha bolsa...
#leitores desculpe este seria a continuação do capítulo anterior... abruptamente tive que postar sem a continuação, aguardem fortes emoções para o próximo capítulo...

Muito obrigado pela visita, não esqueça de dar maizinhos no Google+ e curtir no Facebook, para comentar aqui tem que ser seguidor. Então siga-me no Google Friends, os links estão abaixo.

You Might Also Like

0 comentários

Formulário de contato