poesia evangélica waldryano

Amor, Apesar da Dor [poesia]

17:33Waldryano RJ


#
Amor, Apesar da Dor




O vento do momento


Veio do norte


Deixou a folha desgarrada da relva


Me dizer quem é que foi


Naquele momento


Tudo era tão nostalgico


Sem vida inaceitável


Foi levado por uma força estranha


tentaram explicar dizer algo


Mas era tarde

Pois já fora sem ferir, sem ouvir


Poderia pedir a chuva


Parar o tempo, porque ficou ali parado?


Não merecia ser levado

O sopro ficou, levou o sofrimento


Tudo era assistido à risos


Com tanto poder


Fazer todos se calarem


Poder de pedir e ser atendido


Não quis o vento levar aquele momento


Estar com amor apesar da dor


Ser uma folha sem destino


Mas a paz, necessitou da verdade


E a coragem o Fez forte


O vento foi mais doce


Perdão na atmosfera sentiu


Quem era tão digno


Não merecia ser castigado


Mas parecia que já estava tudo certo


No terceiro dia


Exato as três da tarde


Ele venceu e reviveu.


autor da poesia : Waldryano



You Might Also Like

0 comentários

Formulário de contato